Schoenstatt - Santuário Tabor da Esperança

(61) 3302-2103

(61) 99828-9800

contato@schoenstattbrasilia.org.br

Praça São Miguel Arcanjo será inaugurada no próximo domingo no Santuário Tabor da Esperança

Por Lucas Corrêa – Nos Santuários de Schoenstatt encontramos, ao lado do altar de Nossa Senhora, a Estátua de São Miguel. Ele é o príncipe da milícia celeste. Como guia dos anjos bons, sustentou e venceu no céu a luta contra Lúcifer e seus seguidores. A Igreja costuma invocá-lo na luta contra os inimigos de Cristo.

Pe. Kentenich refere-se à importância da presença de sua imagem no Santuário, ao dizer: “São Miguel é o guarda do Santuário e o instrumento eleito por Deus, especialmente chamado para o serviço de nossa Mãe e Rainha Três Vezes Admirável de Schoenstatt” (29/09/1966).

Assim, o Santuário Tabor da Esperança está se preparando solenemente para a benção e inauguração da Praça dedicada a Arcanjo São Miguel, que ocorrerá no próximo domingo, dia 16 de dezembro, às 15h30, presidida pelo Arcebispo Militar, Dom Fernando Guimarães.

No dia dos Arcanjos, dia 29 de setembro, o Papa Francisco pediu aos fiéis de todo o mundo a rezar para que a Santa Mãe de Deus e São Miguel Arcanjo proteja a Igreja do demônio, que sempre visa nos separar de Deus.

Assim também, o Arcebispo Ordinário Militar do Brasil, Dom Fernando Guimarães, decretou às capelanias militares de todo o Brasil que ao final das Santas Missas o sacerdote, após a bênção final, reze com a comunidade a Oração a São Miguel Arcanjo, composta pelo Papa Leão XIII, e sempre que possível reze o Santo Terço de Nossa Senhora (oração ‘Sub tuum paresidium’) em comunidade, preferivelmente antes da celebração da Santa Missa, concluindo-se com a invocação mariana:

Oração ‘Sub tuum paresidium’:

“À Vossa Proteção recorremos, Santa Mãe de Deus. Não desprezeis as nossas súplicas em nossas necessidades, mas livrai-nos sempre de todos os perigos, ó Virgem gloriosa e bendita”

Oração a São Miguel Arcanjo, criada pelo Papa Leão XIII:

“São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate. Cobri-nos com vosso escudo contra os embustes e ciladas do demônio. Subjugue-o Deus, instantemente o pedimos. E vós, príncipe da milícia celeste, pelo divino poder, precipitai no inferno a satanás e a todos os espíritos malignos que andam pelo mundo para perder as almas. Amém”

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X